Ano de viragem quer acabar com o “preconceito de feirar” em Leiria

É um “momento de viragem” aquele que a Câmara pretende para a edição deste ano da Feira de Leiria, um novo ciclo para acabar com o “preconceito de feirar” e afirmar um certame que se quer “moderno” e “sexy”.Dezasseis dias de concertos e um novo conceito pretendem atrair novos públicos para “ganhar o futuro”, esperando a autarquia ultrapassar os 500 mil visitantes do ano passado.“Queremos vencer o preconceito de feirar. Não descansaremos enquanto a Feira não passe a ser um emblema de todos os leirienses e de toda uma região. Actualmente, há pessoas que só se deslocam à Feira para ir comer farturas, ou só se deslocam para ir apanhar as crianças. Queremos que a feira seja de toda uma nova geração. É uma obrigação que temos”, explicou Gonçalo Lopes, vereador com o pelouro da Cultura da Câmara de Leiria.Ontem, na apresentação do novo conceito da Feira de Leiria, que decorre de 30 de Abril a 26 de Maio, Gonçalo Lopes apontou para a “necessidade de poder afirmar a Feira como “algo que é moderno, chique e sexy e que actualmente muita da imagem associada a este tipo de certame afasta determinado tipo de público”.

Ver notícia aqui.

PATROCINADORES OFICIAIS:
PARCEIRO TECNOLÓGICO:
CAFÉ OFICIAL:
CARRO OFICIAL:
PARCEIRO: